Caderno | | Livros, filmes & séries

15:21


Sou uma adepta fervorosa de organização :) Adoro planear, registar e fazer listas e, como tal, procuro manter sempre alguns cadernos de organização. De momento, tenho dois principais: um bullet journal, que serve mais como agenda e diário, e um caderno de organização na área de livros, filmes e séries. É este último que vos vim mostrar hoje uma vez que algumas pessoas demonstraram interesse em vê-lo.
Claro que, de tempos a tempos, vou modificando a organização deste caderno uma vez que sou uma eterna insatisfeita que está sempre à procura do melhor método para determinado momento da minha vida. No entanto, de momento, este caderno adequa-se na perfeição às minhas necessidades.


Eu utilizo um caderno ARC A5 (1), que me permite retirar e inserir folhas conforme necessito, dividido em 5 secções diferentes através de 5 separadores coloridos (2). Uma vez que não tenho impressora, registo tudo à mão e tento manter tudo o mais simples possível; uso geralmente caneta preta e alguns marcadores coloridos ocasionalmente.

Primeiro temos o separador azul que corresponde basicamente à secção dedicada aos blogues e projectos actuais. Tenho sempre uma folha com o calendário do mês (3) onde vou planeando as minhas publicações para os blogues Serão no sofá e Sede de Infinito; quando as publicações são efectivamente publicadas assinalo usando um marcador colorido. Geralmente, coloco também uma folha onde registo os filmes e séries que preciso de ver em determinado mês por causa do podcast ou outros projectos conjuntos (4). De momento, tenho também uma lista com os livros que tenho de autores russos uma vez que ando a planear o #russialit (5). Por aqui, podem também aparecer listas ou rascunhos de publicações para os blogues/podcasts.

Em segundo lugar, temos o separador amarelo que corresponde aos desafios cinematográficos anuais e planeamento/registo de filmes e séries. Mantenho aqui várias listas cinematográficas: estreias no cinema, em Portugal, que quero ver (6), filmes de 2016 que não consegui ver mas que quero tentar ver em 2017 (7), estreias de 2017 (8), registo de séries que quero ver sozinha (9) e registo de séries que quero ver com o Joaquim ou outras pessoas (10). É aqui que também registo o progresso dos meus desafios (11) e projecto conjunto #meetingausten (12).

Em terceiro lugar, está o separador roxo que corresponde aos projectos cinematográficos a longo prazo: "Alfred Hitchcock presents" (13), "Disney rewind" (14), "Studio Ghibli (re)watch" (15), "30 anos, 30 filmes" (15) e sagas que quero ver ou rever (16).

Em quarto lugar, está o separador laranja que corresponde ao registo de leituras (17), desafios literários pessoais (18) e projectos literários anuais nos quais estou a participar (19).

Por fim, temos o separador verde que corresponde aos projectos literários a longo prazo que iniciei em 2013: livros SFF (20), clássicos séc. XIX (21), clássicos modernos (22), clássicos séc. XVIII ou anteriores (23), vencedores "Man Booker Prize" (24) e clássicos infanto-juvenis (25). A maioria destes livros estão na minha prateleira ou wishlist e os projectos vão bem encaminhados ;)
Também estou a tentar ler todos os livros/contos que deram origem aos filmes da Disney (27), livros da Agatha Christie (26) [já não faltam muitos] e livros do Sherlock Holmes [já li todos os livros mas decidi rê-los e iniciar-me nos contos] (28).

E pronto, é este o meu caderno arc. Como puderam ver, está bastante simples. Confesso que não me preocupo em demasia com a decoração e pormenores porque acredito que não faz sentido passar mais tempo a trabalhar no arc do que a ler/ver filmes & séries. 



E vocês? Também têm um caderno de organização para livros e filmes?
Para a próxima mostro o meu bullet journal se quiserem.

Sugestões

12 comentários

  1. Está espetacular, Catarina!
    Tens imenso jeito...super clean e fofy!
    Eu não tenho jeito nenhum para letrinhas bonitas :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Dora :) Também não tenho muito jeito, fica sempre tudo torto...mas vou tentando :P

      Eliminar
  2. Também uso o bullet journal mas dei por mim a perder informação porque raramente consultava as coleções, onde ia mantendo os registos como os que mostras, e notas importantes, porque raramente fazia a atualização do index. Além disso, estar constantemente a migrar tarefas também me cansava, assim como escrever à mão (o meu pulso já não aguenta tirar tantas notas à mão). Assim, e porque este ano estou a tentar tornar-me paperless, mudei o meu bullet journal para algo digital. O bullet journal é sobretudo para capturar o que me vai passando pela cabeça, como tarefas que tenha por fazer, notas que vou tirando diariamente, e para fazer este tipo de registos.

    No entanto, tenho duas agendas, uma diária que tenho sempre em cima da secretária e onde vou assentando tarefas mais importantes para o dia (depois de consultado o bullet journal), bem como o que vou fazendo (quando visitei algo por exemplo), também algumas linhas sobre como foi o dia (se estiver para aí virada). Pretendo que funcione sobretudo como "captador de memórias". Também tenho uma semanal, mais pequena, que anda comigo para organizar a semana, pois percebi que organizo-me melhor com a semana em papel do que com um calendário digital.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, eu também me organizo melhor em papel do que em digital. Digital não funciona mesmo comigo. Assim, no fundo, este é mais para as colecções e o bullet journal funciona mais como "captador de memórias", como tu dizes, e para planear tarefas. Acho que nunca conseguiria tornar-me paperless, o que é mau eu sei :P Força então para os novos objectivos para 2017 ;)

      Eliminar
  3. Adoro o teu caderno.
    Quando trabalhava comprava sempre uma agenda e apontava lá tudo. Desde que fiquei sem trabalho, ainda comprei agenda 1 ou 2 anos, mas deprimia-me o facto de não ter muitas coisas a nível profissional para lá colocar que desisti de comprar.
    Hoje tenho um caderno pequenino, com um calendário de cada mês, para assinalar algumas coisas.
    Adorei esse conceito de ir escrevendo todos os teus projetos de lazer. Nunca me deu para apontas essas coisas e as listas vou fazendo no blog.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Silvana :) Pois, eu tb nunca tenho mt para assentar a nível professional tanto que tenho uma agendinha pequenina só para isso. Mas ter um caderno só para projectos de lazer acaba por me deixar um pouco mais alegre e motivada :) Bjs

      Eliminar
  4. Olá Catarina,
    Adorei ver o teu caderno! Tão organizadinho e com a letra tão bonita!
    Gostava de ser assim mas pode ser que, com a tua, inspiração, consiga tornar-me mais organizada.
    Há anos que não uso agenda (praticamente desde que acabei a faculdade, já em 2005) pois não tenho grandes coisas para escrever (com a faculdade sempre tinha testes, trabalhos e apresentações para fazer e exames). Quando estava a trabalhar usava a agenda do outlook para marcar reuniões e afins pois tinha sempre o lembrete.
    Mas vou tentar começar a registar coisinhas no papel em vez do evernote.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Tita :) Pois, comigo registo no tel e computador não funciona. Ter um caderno para ir apontando, nem que seja ideias para o blogue, dá muito jeito ;) Bjs

      Eliminar
  5. Adorei, estou a ganhar coragem para fazer um deste género :)

    ResponderEliminar